A internet não chegou em todo Brasil! ☹

É isso mesmo que vc leu, a internet seja via cabo, fibra, radio ou até mesmo via satélite, não é acessível dentro de todo território brasileiro.

Muitos brasileiros ainda hoje, não tem acesso a internet, nem perspectiva de ter o acesso e isso se deve a um conjunto de fatores, seja a dificuldade de levar um cabo ou até de fazer o sinal via rádio chegar ou o custo de uma internet via satélite ou a falta de investimento do governo.

Mesmo no grandes centros urbanos do país, estima se que 70 bilhões de brasileiros têm um acesso de qualidade precário à internet e que 42 milhões nunca tiveram acesso. Isso se agrava mais ainda, segundo o Cetic.br, entre a classe D e E da população que geralmente só possui acesso pelo celular e pelo local que vivem, os serviços da operadoras não têm a mesma qualidade que aqueles oferecidos em lugares onde outras classes sociais com o poder aquisitivo maior vivem.

O acesso na prática influencia a economia, pois pequenos negócios locais não podem utilizar ou criar um e-commerce para difundir seus produtos, a educação e disseminação de informação não chega para todos da mesma forma e o governo deixa de arrecadar e colocar dinheiro em circulação, todos saem perdendo de alguma maneira.

Quanto mais longe as pessoas vivem nas cidades, mais difícil fica seu acesso, tendo que recorrer muita das vezes a internet via satélite que atualmente, além de ser um serviço caro com uma taxa de instalação muito elevada, temos poucas opções de escolha.

Caso seja necessário utilizar a internet via satélite, vamos notar que em todo território nacional, temos apenas algumas operadoras que atendem em alguns estados e para esse público antedido, a mensalidades começam nos valores de R$ 250,00 reais por mês fora a taxa de instalação, tornando essa uma opção cara e muita das vezes, inviável.

Nosso governo começou a fazer estudos mais aprofundados na situação do Brasil, mas ainda falta um investimento maior para diversificação do acesso e que as políticas adotadas atinjam as áreas mais carentes, segundo Diego Canabarro, gerente sênior de Políticas Públicas da Internet Society para a América Latina, “Não basta conectar os não conectados, mas reduzir assimetrias e não criar castas de digitalização — a criança pobre do Brasil deve ter ensino a distância semelhante à criança rica do Brasil”.

A falta ou o acesso de baixa qualidade de internet no país, se tornou ainda mais visível durante a pandemia do COVID-19, em que muitas pessoas tiveram de começar a utilizar a internet do dia para noite, seja para estudo a distância ou até mesmo para receber o auxílio do governo buscando sobreviver nesse tempos difíceis.

Olhando para oportunidade de negócio, o visionário empreendedor Elon Musk através da Empresa SpaceX começou o projeto Spacelink que visa colocar em orbitar mais de 40 mil satélites e oferecer internet de qualidade a preços acessíveis começando suas operações em 2027(Previsão otimista).

Outras empresas também começaram seus projetos de colocar uma quantidade gigantesca de satélite em órbita na tentativa de oferecer internet a pessoas mais necessitadas com o poder aquisitivo menor como é o caso da Amazon com o projeto Kuiper e com projeto AWS Ground Station.

Outra empresa que também visa esse mercado desde de 2016 é o Facebook que vinha até então desenvolvendo seu projeto secretamente e vem fazendo teste em foguetes. Outra Iniciativa é um conjunto de empresas está financiando o projeto OneWeb, criado em 2000, que já colocou vários satélites em órbita e teve aporte do Airbus e do banco SoftBank Group na aventura.

Se por um lado temos um mercado aquecido e grandes nomes como Elon Musk tentando colocar uma quantidade massiva de satélites em órbita para oferecer internet de qualidade, por outro lado, já começamos a acompanhar algumas reclamações dos satélites dificultado a observação do espaço por parte de alguns astrônomos e a cada dia que se passa, aumenta a preocupação com o crescente aumento do chamado lixo espacial que por enquanto está em órbita.

Ainda sim, quando esses projetos visionários de colocar satélites em órbitas tiverem maturidade para oferecer internet em território nacional, deverão passar por um longo processo de homologação e testes da Anatel. Com tudo isso podemos notar que a internet não chegou e vai demorar a chegar para todos os brasileiros em todo o país.

Referências

#Obrigado por sua leitura! :)

Written by

Estou compartilhando minha opinião e o pouco que sei de forma eventual por aqui. https://www.linkedin.com/in/josueluzardo

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store